Você Sabe a Importância da Avaliação Cardiovascular?

Você sabe a importância da avaliação cardiovascular?

Com estresse diário que vivemos, os maus hábitos alimentares e o péssimo estilo de vida, favorecem principalmente o risco de doenças do coração, que tem sido uma das maiores causa de morte no mundo.

Algo simples como uma visita ao médico para realizar exames podem ajudar a detectar qualquer risco de possíveis doenças que possam surgir. Doenças cardíacas quando detectadas precocemente, tem mais chances de cura e em casos críticos, pode ser a diferença entre a vida e a morte.

Em alguns casos, uma simples medida da circunferência abdominal pode predizer o risco de infarto, porém em outros as doenças podem aparecer sem sintomas.

Quando fazer uma avaliação cardiológica?

Em geral, exames cardiológicos são recomendados após os 35 anos, porém deverá ser antecipado em casos como:

– Histórico familiar
– Diabéticos
– Colesterol alto
– Doença cardíaca na infância
– Fumantes
– Pressão alta freqüente
– Sintomas como dores no peito e falta de ar
– Planeja praticar atividade esportiva

Quais exames são solicitados em uma avaliação cardiológica?

Diferentes tipos de exames podem ser solicitados dependendo de cada caso, entre eles:  Eletrocardiograma e teste ergométrico.

Um acompanhamento médico regular é uma prática que não pode ser descuidada. É importante procurar um médico para que seja indicado o melhor exame e tratamento.

 Para saber mais, clique aqui e Solicite um agendamento com os profissionais da Clinicordis.

Tags:
Categories:
Cardiopatia Congênit

Você sabe o que é Cardiopatia Congênita?

Cardiopatia Congênita  é uma alteração que afeta a estrutura e o funcionamento do coração, que surge durante a gestação, quando o coração do bebê está se formando, e seu impacto na saúde e no desenvolvimento da criança pode variar de leve (como um pequeno orifício no coração)  a grave (como partes ausentes ou mal formadas e também afetam como o sangue flui através do coração e para o resto do corpo.

Apesar de a maioria dos bebês nascerem saudáveis, as doenças cardíacas congênitas são mais frequentes do que se imaginam e podem levar a criança a apresentar incapacidade ou problemas de saúde ao longo da vida.

 

Sintomas

Em alguns casos, a cardiopatia congênita não causa sintomas, porém alguns podem surgir no nascimento, durante a infância, ou na idade adulta. Confira.

– Cansaço extremo e fadiga

– Inchaço nas pernas, barriga ou ao redor dos olhos

– Respiração rápida

– Batimento cardíaco acelerado

– Má circulação sanguínea

– Tom azulado na pele, lábios e unhas

 

As principais causas:

Na maioria dos bebês a principal causa da cardiopatia congênita é desconhecida, porém alguns fatores podem elevar os riscos, tais como:

– Desenvolvimento de certas infecções da mãe durante a gravidez, como a rubéola ou ingestão de alguns medicamentos contra acne e como estatinas

– Uso excessivo de álcool e drogas durante a gravidez

– A mãe possuir diabetes tipo 1 ou tipo 2

– hereditários

– Doenças cromossômicas, como síndrome de Down, Trissomia 13 e Síndrome de Turner

 

De que forma podemos prevenir?

Assim como pouco se sabe sobre as causas das cardiopatias congênitas, não há maneira garantida de evitar ter um bebê com a doença. No entanto, se você estiver grávida, o seguinte conselho pode ajudar a reduzir o risco:

– Vacinar-se contra rubéola e gripe (influenza)

– Evitar beber álcool, drogas ou medicação

– Tome 400 microgramas de suplemento de ácido fólico por dia durante o primeiro trimestre (primeiras 12 semanas) da sua gravidez

– Evitar contato com pessoas que tem algum tipo de infecção

– Evitar a exposição a solventes orgânicos, como os usados ​​em limpeza a seco, diluentes de tinta e removedores de verniz- Fazer consultas pré-natais juntamente ao seu médico para recomendações nutricionais e diagnósticos.

Diagnóstico e Tratamento

Para saber mais sobre diagnóstico e tratamento, consulte um especialista da Clinicordis.

Clique aqui e Solicite um agendamento com os profissionais da Clinicordis.

Tags:
Categories:

Arritmia. Prevenção e Diagnóstico.

Sente seu coração acelerado repentinamente ou diminuição do ritmo cardíaco? Não tem certeza do que está causando essas sensações? Saiba mais sobre os sintomas, diagnósticos e como prevenir a arritmia.

Arritmia cardíaca é a alteração no ritmo das batidas do coração, que pode fazer com que ele bata mais rápido (taquicardia), mais lento (bradicardia) ou simplesmente fora de ritmo.

Algumas arritmias cardíacas são inofensivas; no entanto, em algumas existem o risco de surgimento de outras doenças cardiovasculares, como infarto e AVC e morte súbita.

Sintomas

Muitas vezes, a arritmia não manifesta nenhum sintoma, porém, pode acontecer de você sentir alguns sintomas. Conheça-os:

 Palpitação cardíaca e pulso acelerado ou lento;
 Tontura ou desmaio;
 Dor no peito;
 Falta de ar ou mal-estar
 Sensação de nó na garganta;
 Sensação de fraqueza e cansaço fácil;

As principais causas:

Varios fatores podem levar a arritimar cardíaca. Confira.

 Inicio de um ataque cardíaco ou um ataque cardíaco anterior.
 Artérias obstruídas no coração
 Pressão alta
 Hipertireodismo
 Cigarro
 Uso excessivo de bebida alcoólica e café
 Uso de Drogas
 Estresse
 Medicamentos incorretos ou em excesso.
 Diabetes
 Apnéia do Sono
 Genéticos

De que forma podemos prevenir e ter uma vida mais saudável?

Uma ampla mudança no estilo de vida, com uma alimentação mais saudável, uma boa noite de sono, prática de exercícios físicos regulares, não fumar e nem beber bebidas alcoólicas e evitar situações de stress.

Diagnóstico

Para diagnosticar uma arritmia cardíaca, o seu médico irá rever os seus sintomas e o seu histórico médico e realizar exame físico. Seu médico pode perguntar sobre condições que podem desencadear sua arritmia, como doença cardíaca ou um problema com sua glândula tireóide e também pode realizar testes de monitorização cardíaca específicos para arritmias, como:

 Eletrocardiograma;
 Holter de 24 horas;
 Teste ergométrico;
 Estudo eletrofisiológico (EPS);
 Tilt teste

O médico cardiologista é quem deve requisitar e avaliar estes exames e não é necessário fazer todos eles para se chegar ao diagnóstico.

Tratamento

Diferentes tipos de arritmia requerem formas de tratamento diferente. Em alguns casos o tratamento pode ser realizado através da mudança no estilo de vida, uso de marca-passo, remédios ou em alguns casos, cirurgia de ablação.

Um acompanhamento médico regular é uma prática que não pode ser descuidada. Se sentir algum dos sintomas, é importante procurar um médico para que seja indicado o melhor exame e tratamento.

Clique aqui e Solicite um agendamento com os profissionais da Clinicordis.

Tags:
Categories:
PROBEMAS DERMATOLOGICOS_FACEBOOK

Problemas Dermatológicos. Como Prevenir e Diagnosticar.

Doenças de Pele

A sua pele está coçando, irritada ou com manchas? Não tem certeza do que está causando esses problemas? Saiba mais sobre os sintomas, diagnósticos e como prevenir.

Sua pele é o maior órgão do seu corpo e pode ser afetada pelo que está acontecendo dentro e fora dele. Alguns problemas de pele são agudos e desaparecem com o tratamento, enquanto outros são crônicos e podem persistir por meses ou anos.

Sintomas

– saliências elevadas que são vermelhas ou brancas
– uma erupção cutânea, que pode ser dolorosa ou com coceira
– pele escamosa ou áspera – descamação da pele
– feridas abertas ou lesões
– pele seca e rachada
– manchas descoloridas de pele
– verrugas ou outros crescimentos de pele
– mudanças na cor ou no tamanho da mancha
– perda de pigmento da pele

Como prevenir

Certos distúrbios de pele não são evitáveis, incluindo condições genéticas e alguns problemas de pele devido a outras doenças. No entanto, é possível evitar alguns distúrbios da pele.
– Manter a pele limpa, seca e hidratada
– Ingerir bastante líquidos
– Evite o estresse físico ou emocional excessivo
– Faça uma alimentação saudável
– Evite compartilhar itens pessoais
– Use protetor solar

Tratamento

Diferentes condições da pele requerem diferentes formas de tratamento. Enquanto alguns podem ser tratados com medicamentos sem receita, outros requerem medicação por prescrição.

Um acompanhamento médico regular é uma prática que não pode ser descuidada. Se sentir algum dos sintomas, é importante procurar um médico para que seja indicado o melhor exame e tratamento.

Clique aqui e Solicite um agendamento com os profissionais da Clinicordis.

Tags:
Categories:

Seus cabelos estão caindo?

Você está com queda de cabelo deixando o couro cabeludo exposto? Esse é o resultado da calvície, ou alopecia androgenética, condição presente nos homens e mulheres. Dois são os principais fatores que desencadeiam essa condição: a presença dos hormônios e a hereditariedade.

Já é possível estimular o crescimento capilar com os tratamentos corretos, sempre indicados por um bom profissional da área. O Minoxidil é um medicamento vasodilatador que bloqueia a ação dos derivados da testosterona.

E a Finasterida é um remédio que reduz o tamanho da próstata, podendo ser utilizada apenas pelos homens. Em pequenas doses, também pode auxiliar no tratamento da calvície, reduzindo níveis de diidrotestosterona (DHT), a causa principal de queda de cabelo.

Se você está sentindo o seu cabelo cair, procure um médico especializado para fazer o diagnóstico corretamente. Os especialistas da Clinicordis estão totalmente capacitados para realizar o seu tratamento. Entre em contato e agende a sua consulta.

Categories: